Jornal do Brasil

Balcão de Emprego

Univeritas recebe formatura de jovens do Projeto 'Casa Futuro Agora'

Cientista política de Harvard participa de solenidade que discutirá papel da juventude na sociedade

Jornal do Brasil

Nesta terça, dia 10 de outubro, 130 jovens do ‘Projeto Casa Futuro Agora’ vão celebrar a conclusão dos cursos de capacitação profissional gratuitos de forma divertida, levados a discutir a importância da juventude e seu papel na construção da sociedade.

Uma das convidadas da formatura, que vai acontecer a partir das 10h, na Univeritas, no Flamengo, é a cientista política Tábata Pontes Amaral, formada pela Universidade de Harvard, EUA. O início da trajetória de vida dela se compara a de muitos jovens: aluna de escola pública, moradora de comunidade e de família de baixa renda.

O projeto já formou mais de dois mil alunos nos cursos de inglês, audiovisual, poesia falada e informática. A Casa Futuro Agora é um espaço de conhecimentos e preparação de jovens, entre 12 e 17 anos, para o mundo do trabalho.  Em 11 unidades, incluindo duas no Departamento Geral de Ações Socioeducativas (Degase), são oferecidos os cursos. Aulas dinâmicas, com conteúdos modernos, reúnem habilidades fundamentais para oferecer aos jovens uma oportunidade de capacitação profissional busca. Além disso, nove unidades contam com acesso gratuito à internet para a comunidade.

Tábata Amaral de Pontes, 23 anos, se graduou magna cum laude com honras máximas em Governo e Astrofísica de Harvard College. Sua tese intitulada 'A política das reformas educacionais em municípios brasileiros' recebeu o Prêmio Kenneth Maxwell em estudos brasileiros e o Prêmio Eric Firth para o melhor ensaio sobre o tema de ideais democráticos. Vinda da periferia de São Paulo, estudou em uma escola privada com bolsa integral e representou o Brasil em cinco olimpíadas internacionais de ciências. Mais do que talento ou sorte, ela considera que suas conquistas são resultado das oportunidades. Tábata é fundadora e gestora do movimento Mapa Educação.

A rapper, apresentadora, ativista e produtora brasileira, Nega Gizza, será responsável por conduzir o evento e, também, compartilhar sua trajetória com os jovens. Uma das fundadoras da Central Única de Favelas, Nega superou inúmeros desafios na vida para se tornar uma das rappers mais populares no país.

A Cia 7 Phocus apresentará a esquete 'O Auto da Camisinha'. De maneira bem-humorada, o objetivo da apresentação é instruir e alertar os alunos para a prevenção de doenças sexualmente transmissíveis e prevenção à gravidez na adolescência.

Serviço:

Data: 10 de outubro, às 10h

Local: Auditório da Univeritas - Rua Marquês de Abrantes, 55, Flamengo