Jornal do Brasil

Comunidade em pauta

Crise na saúde do Rio, e jatinho particular para governador

Mônica Francisco *, Jornal do Brasil

A situação da saúde do Rio de Janeiro está cada vez mais preocupante. Nesta quarta-feira, agentes de saúde e demais profissionais e técnicos estiveram em frente à Escola Nacional de Saúde Pública da Fiocruz, para mostrar toda sua indignação. 

A situação nas favelas é das mais preocupantes dos últimos tempos.  Não bastasse a constante preocupação em relação à preservação das vidas, a precarização e a iminência do fechamento de unidades como a UPA de Manguinhos por exemplo, criam um ambiente de total incerteza. 

A instabilidade e a perda de direitos historicamente conquistados, produzem efeitos devastadores entre os mais pobres, principalmente.

Enquanto estes efeitos são sentidos e vividos desesperadamente pelos mais pobres, o governo do estado zomba de todos os cidadãos e cidadãs comprando um jatinho particular, para atender às "necessidades " dos governantes. 

É insustentável esta situação e não podemos nos omitir ante a mais essa atitude completamente equivocada e extremamente desrespeitosa dos gestores públicos, em um momento dos mais difíceis pelos quais já passou o Rio de Janeiro. 

* Mônica Francisco é pesquisadora, consultora na ONG Asplande e colunista no Jornal do Brasil