Jornal do Brasil

Cultura

Grito da Sebastiana entra no clima de carnaval no coração boêmio do Rio

Agência Brasil

A menos de dois meses do carnaval, o Grito da Sebastiana, festa anual da entidade que reúne tradicionais blocos de rua do carnaval carioca, vai ocorrer mais uma vez no coração boêmio do Rio de Janeiro: o bairro da Lapa, que fica no centro da capital fluminense. A 11ª edição do baile, que sempre homenageia São Sebastião, padroeiro do Rio, será no próximo sábado (18/01), tendo novamente como palco a Fundição Progresso.

Neste ano, o Bloco Carmelitas foi o escolhido para ficar à frente da bateria da Sebastiana, comandada pelo mestre Folião. Ao todo, 12 blocos fazem parte da Associação Independente dos Blocos de Carnaval de Rua da Zona Sul, Santa Teresa e Centro da Cidade de São Sebastião do Rio de Janeiro (Sebastiana), que faz do baile o pontapé inicial do carnaval de rua do Rio. Entre eles, estão os famosos Simpatia É Quase Amor, Imprensa que eu Gamo, Suvaco do Cristo, além do Carmelitas.

Segundo a presidenta da associação, Rita Fernandes, as atrações da festa incluem Moacyr Luz e o Samba do Trabalhador, Jorge Aragão e a Banda do Bola Preta . “Será, como sempre, uma homenagem a São Sebastião, por isso é que demos esse nome para a associação. É o grito de largada para o carnaval de rua do carnaval do Rio", disse.

A ideia este ano era fazer do Grito da Sebastiana uma espécie de procissão pelas ruas do centro do Rio, mas os planos foram adiados para o carnaval de 2015. "Nós vamos deixar o cortejo para as comemorações de 450 anos da cidade, no ano que vem, quando a Sebastiana completará 15 anos", contou Rita Fernandes. Os ingressos para o baile estão sendo vendidos nas bilheterias da Fundição Progresso.