Jornal do Brasil

Esportes

Skatista que inspirou 'Os Reis de Dogtown' morre aos 53 anos

Portal Terra

O skatista lendário Jay Adams, um dos atletas que inspirou o filme Os Reis de Dogtown, morreu na última quinta-feira (14), aos 53 anos, no México, vítima de uma parada cardíaca. Segundo o site TMZ, Jay estava há três meses no país com a esposa, aproveitando a primeira vez que o skatista conseguiu permissão para deixar os Estados Unidos em 20 anos, depois de ser preso diversas vezes por seu envolvimento com drogas.

Ao saber do ocorrido, o amigo e ex-companheiro de equipe Stacy Peralta escreveu em seu Instagram: "Acabo de receber a notícia terrível de que Jay Adams morreu ontem, mandem seu carinho". Outra lenda do skate, Tony Hawk também prestou sua homenagem, se despedindo: "Adeus, Jay Adams. Obrigado por nos inspirar e sempre superar seus limites."

Parte da história da vida de Jay foi contada na pele do ator Emile Hirsch em Os Reis de Dogtown. Ele fazia parte de uma das equipes de skate mais emblemáticas da história do esporte, a Z-Boys, fundada na década de 70. Nascido em Venice, na Califórnia, ele se destacou ainda adolescente por suas habilidades no skate e se tornou uma lenda ao lado de outros ícones como Stacy Peralta e Tony Alva.

No início dos anos 80, Jay se envolveu em um caso de agressão em um bar e, em seguida, perdeu no mesmo a mãe, o pai e a avó. Depois de ser pego comprando metanfetamina, ele foi condenado a quatro anos de prisão em 2004. Após cumprir a pena, o skatista se casou com sua última esposa, Tracy, que o ajudava a cuidar dos seus dois filhos de suas relações anteriores.