Rio

Jardim Botânico do Rio completa 210 anos

Agência Brasil

O Jardim Botânico do Rio de Janeiro completa nesta quarta-feira (13) 210 anos de fundação. Criado como local para aclimatação de espécies vegetais originárias de outras partes do mundo, o jardim foi inaugurado em 13 de junho de 1808 pelo príncipe regente português Dom João, alguns meses depois que a família real de Portugal chegou ao país, fugindo do exército de Napoleão Bonaparte.

No fim de 2017, o local foi considerado pela Botanic Gardens Conservation International (BGCI) como a instituição botânica com o maior acervo exclusivo do mundo. São cerca de 850 espécies vivas que não são encontradas em nenhum outro jardim do mundo.

Para comemorar o aniversário, os visitantes poderão visitar o Jardim Botânico gratuitamente hoje. Também está sendo inaugurado o passeio Caminhos do Sagrado, que reúne três trilhas: Jardim Bíblico (com sete espécies citadas na Bíblia), Trilha Africana (com 19 espécies usadas em religiões afro-brasileiras) e Trilha Indígena (com 17 espécies usadas por indígenas brasileiros).

Ainda como parte das celebrações, os Correios lançam hoje um selo e um carimbo personalizados da data, ilustrados com uma vitória-régia, e a Casa da Moeda lança uma medalha comemorativa com a paisagem que reúne o Lago e o Cômoro Frei Leandro e a vitória-régia.