Jornal do Brasil

Sol Maior

Atalla Ayan canta do Rio

Maria Luiza Nobre, Investimentos e Notícias

Semana bem movimentada com os últimos acordes de festival internacional de instrumento angelical, tenor brasileiro e música de câmara com a prata da casa. Apesar da dissonância do momento no país, ainda bem que existe a música clássica para aliviar e muito a tensão, e o melhor, a realização de ótimos concertos da semana e as surpresas de expressivos concertos agendados na próxima também. Para não perder o hábito, a leitura da coluna desvenda todos os pequenos enigmas e  para relaxar, basta clicar na foto abaixo e como sempre, o melhor da música clássica estará ao dispor dos leitores aqui na coluna. Boa semana!

ATALLA AYAN

O tenor brasileiro Atalla Ayan faz o recital de abertura da Série Sala Lírica, no dia 28, às 18h, na Sala Cecília Meireles acompanhado pela pianista Priscilla Bonfim.

Atalla Ayan teve um começo de carreira prestíssimo, e tornou-se um dos mais importantes tenores de sua geração, já demonstrando seu talento em sua estréia surpresa com a Metropolitan Opera, ocasião em que cantou cinco árias na abertura do Summer Concert no Central Park. Estudou em Belém, cidade onde nasceu, no Conservatório Carlos Gomes, e já aos 21 anos fez seu primeiro papel, aparecendo como Rinuccio em Gianni Schicchi no Theatro da Paz,em Belém. Após sua estréia na Europa, estudou na Scuola della Opera Italiana,em Bologna, e durante sua estadia nessa cidade, apareceu no Teatro Comunal como Ruggero em apresentações de La Rondine, sob regência de José Cura. Na temporada 2009/2010, Ayan se tornou membro do Programa de Desenvolvimento de Jovens Artistas da Metropolitan Opera. O tenor tem sido aclamado pelo mundo, em teatros como a Royal Opera House – Covent Garden, o Grand Théâtre de Genève e a Deutsch Oper Berlin.

Priscila Bomfim iniciou seus estudos musicais em Portugal, é pianista do Theatro Municipal do Rio de Janeiro, onde trabalhou como maestrina assistente do Coro e atualmente é maestrina preparadora da Academia de Ópera Bidu Sayão, orientando jovens cantores solistas.

No programa do tão esperado recital obras de Ludwig van Beethoven, Vicenzo Bellini, Gaetano Donizetti, Wolfgang Amadeus Mozart, Gioachino Rossini, Paolo Tosti, Salvatore Cardillo, Ernesto De Curtis e Jules Massenet.

Ingressos e informações: 2332-9223

Sala Cecília Meireles

Largo da Lapa, 47 -  Centro

SALA I

A Sala Cecília Meireles apresenta dois concertos dedicados ao grande compositor alemão L.V.Beethoven. No primeiro concerto que será realizado hoje, às 20h, obras de importância na literatura da música de câmara poderão ser ouvidas como o Septeto Op.20 em Mi Bemol Maior, na interpretação do Quarteto Radamés Gnattali, formado pelas violinistas Carla Rincón e Andréia Carizzi, violista Marco Catto e o violoncelista Hugo Pilger, mais o clarinetista Marcio Miguel Costa, fagotista Felipe Destefano e trompista Thiago Martins. O Trio para Piano Op.97em Si Bemol Maior, também conhecido como “Arquiduque” dedicado ao seu amigo,arquiduque Rudolph da Áustria, terá no palco o pianista Leonardo Hilsdorf, a violinista Carla Rincón e o violoncelista Hugo Pilger.

Na segunda noite da série, portanto, dia 27, às 20h, novas obras e formações com o pianista  Leonardo Hilsdorf, violoncelista Hugo Pilger e o Quarteto Radamés Gnattali. No programa a Sonata Op.81a,também chamada  “Les Adieux”, a Sonata para Sonata para Violoncelo e Piano No. 5 em Ré Maior Op. 102 No. 2, e encerrando a noite o Quarteto Radamés Gnattali executa  Quarteto de Cordas No. 16 Op. 135 em Fá Maior.

Ingressos e informações: 2332-9223

Sala Cecília Meireles

Largo da Lapa, 47 -  Centro

SALUTE TO SINATRA

Um “Tributo a Frank Sinatra” será a apresentação do cantor britânico Louis Hoover, acompanhado da The Hollywood Orquestra, no próximo dia 3 de junho, às 20h, no Theatro Municipal do Rio de Janeiro. 

Ingressos e informações: 2332-9191

Theatro Municipal do Rio de Janeiro

Praça Floriano, s/nº - Centro

RIO HARP FESTIVAL

Em sua última semana o Festival Internacional de Harpa faz ouvir seus últimos acordes, com concertos lotados e diários, todos com entrada franca, tornando o Rio de Janeiro como a capital mundial da harpa durante todo o mês de maio. A coluna informa toda a programação.

Dia 26 de maio

12h30 - Les Alisées - França

             Claire Le Fur, harpa 

             François Detton, flauta

             Cecile de Rocca Serra, violino e viola  

             Jean Thirault, violoncelo

             Centro Cultural Banco do Brasil

             Rua 1ºde Março 66

15h- Tajana Vukelic, harpa

        Srdjan Peic, trompa

        Kosjenka Turkulin, piano – Croácia

        Centro Cultural Banco do Brasil – Sala 26

        Rua 1ºde Março 66

 

18h- Cristian Rodrigues y grupo - Chile

        Centro Cultural Banco do Brasil – Sala 26

        Rua 1ºde Março 66

19h30- Yerko Lorca, Kora/Lira- Espanha

            Igreja N.  Sra. da Paz

            Rua Visconde  de  Pirajá, 330 -  Ipanema

Dia 27 de maio

12h30- Yerko Lorca, Kora/Lira - Espanha

            Centro Cultural Banco do Brasil – Teatro I

            Rua 1º de Março, 66

 

14h- Diane Pauvert, harpa - França

        Centro Cultural Banco do Brasil – Teatro I

        Rua 1º de Março, 66

 

16h- Cristian Rodrigues y grupo - Chile 

        Centro Cultural Banco do Brasil

        Rua 1º de Março, 66- Teatro I

 

18h- Carolina Patrocínio Coimbra, harpa  - Portugal

        Gabriele Amarù, trompa -Itália

        Palácio São Clemente - Consulado de Portugal

        Rua São Clemente 424 - Botafogo

Dia 28 de maio

10h30- Edith Gasteiger, harpa - Áustria

             Corcovado

 

12h30- Yerko Lorca, Kora/Lira - Espanha

             Museu do Exército - Forte de Copacabana

             Praça Eugênio Franco-Posto 6 - Copacabana

 

14h-  Carolina Patrocínio Coimbra, harpa  - Portugal

         Gabriele Amarù, trompa -Itália

         Museu do Exército - Forte de Copacabana

         Praça Eugênio Franco-Posto 6 - Copacabana

 

16h- Diane Pauvert, harpa - França

        Museu do Exército - Forte de Copacabana

        Praça Eugênio Franco-Posto 6 - Copacabana

 

19h- Massimo Cusato, percussão

        Giuliana De Donno, harpa - Itália

        Centro Cultural Banco do Brasil – Teatro I

        Rua 1º de Março, 66

 

Dia 29 de maio

12h30- Massimo Cusato, percussão

            Giuliana De Donno, harpa - Itália

            Centro Cultural Banco do Brasil - Teatro I

            Rua 1º de Março, 66

 

15h- Carolina Patrocínio Coimbra, harpa  - Portugal

        Gabriele Amarù, trompa - Itália

        Centro Cultural Banco do Brasil - Teatro I

        Rua 1º de Março, 66

 

19h- Diane Pauvert, harpa - França

        Biblioteca da Maison de France

       Av. Presidente Antonio Carlos 58    

 

Dia 30 de maio

Todos os concertos serão realizados no

Centro Cultural Justiça Federal

Av. Rio Branco, 241 – Centro - Sala de Sessões

 

12h30- Massimo Cusato, percussão

            Giuliana De Donno, harpa - Itália

15h- Cyntia Valuenzela, harpa - México

18h- Yerko Lorca, Kora/Lira – Espanha

Dia 31 de maio

Todos os concertos serão realizados no

Centro Cultural Banco do Brasil

Rua 1º de Março, 66- Teatro I

 

12h30- Massimo Cusato, percussão

            Giuliana De Donno, harpa - Itália

15h- Cyntia Valuenzela, harpa - México

18h- Trio Vanja Ferreira, harpa - Brasil

        Igor Levi, flauta

        DamTelek,cello

        Participação especial de Nadja Daltro,voz

19h30- Edith Gasteiger, harpa- Áustria

1º. de junho

15h- Encerramento do XII RioHarpFestival

        Camerata do Uerê

        Participação especial de Edith Gasteiger,harpa - Áustria

 

       AQUARIO- AQUÁRIO DO RIO DE JANEIRO.

       Porto do Rio- Armazem 6

       VLT Estação Aquario

Dica da semana - O Quinteto para Piano e Cordas de Robert Schumann